Prefeitura solicitará aditivo para concluir obra do Acesso Norte

 

Com previsão para ser entregue em maio, a obra de reabilitação do Acesso Norte de Imbituba, que vai da BR-101 até o trevo da Cancha está com as atividades reduzidas e levará mais um tempo para ser concluída. A prefeitura de Imbituba solicitará um aditivo para o Governo do Estado de Santa Catarina e SC Par Porto de Imbituba para poder concluir a obra que teve o seu projeto readequado.

Segundo o Eng. Civil e Fiscal da Obra, Moacir Freitas da Rosa “Marrom”, Engenheiro da Prefeitura, o estado demorou para realizar o repasse de recursos financeiros e deveria ter liberado 1 milhão de reais em 2016, sendo que liberou apenas R$ 400 mil na última semana, atrasando assim a continuidade da obra. “Há também a necessidade de readequação do projeto original. Por exemplo, estavam previstos dois tipos de concretagem: com pavimentadora e manual, com preços diferenciados. Porém a concretagem manual aumentou devido às descontinuidades necessárias aos acessos às comunidades e empresas ao longo da via. A área de fresagem e recapeamento asfáltico também aumentou”, destaca o engenheiro.

No orçamento original também não foi considerado aterro das laterais onde serão executados os passeios, “iríamos reutilizar as lajotas já existentes, mas elas foram furtadas e isso teve que ser readequado ao projeto e em consequência o aumento no aditivo solicitado”, comenta. A prefeitura em reunião com o Secretário de Infraestrutura do Estado Luiz Fernando Vampiro (PMDB) e com o Diretor de Infraestrutura da SCPar solicitou um aditivo de R$ 1.481.344,52 para a conclusão da obra com as novas readequações, o que, segundo Marrom já foi acordado e com a aprovação do aditivo ao convênio, em torno de 60 dias a obra será encerrada.

A obra avaliada em R$ 13.144.513,82 tem a participação do Estado com R$ 3.000.000,00; SCPar R$ 5.072.257,91; Recursos próprios da Prefeitura de Imbituba de R$2.072.257,91 além de um financiamento através do BRDE no valor de R$ 3.000.000,00. A reabilitação inclui a instalação de pavimento rígido – whitetopping (pavimento asfáltico com o uso de concreto), adequação da drenagem pluvial e toda a sinalização da Avenida Marieta Konder Bornhausen e da Rua Manoel Florentino Machado.

Obra irá fazer um ano de seu início. Desde então teve o antigo asfalto retirado e foi colocada uma camada de concreto e ferragem

Comentários